Três cidades nas margens do Rio Uruguai

O Rio Grande do Sul tem várias cidades com possibilidade de ir e vir da Argentina. Quase todas com travessia de balsa no Rio Uruguai. Uma das mais movimentadas é Porto Xavier.

img_20191009_1521074823548553904610908606.jpg

Ao lado do porto tem um lugar para estacionar o carro e curtir o Rio.

img_20191009_1525024902814447667650322221.jpg

img_20191009_1525493607183796525355593154.jpg

Ao lado de Porto Xavier fica Porto Lucena.

img_20191009_1615548642665235391220611217.jpg

img_20191009_1616154338293990911064589913.jpg

Na beira do Rio.

img_20191009_1612094131215453316646319887.jpg

Porto Vera Cruz é outra cidade do roteiro pelo Rio Uruguai.

img_20191009_1659252963288871638307220292.jpg

img_20191009_1659431796292834281235756215.jpg

O porto.

img_20191009_1700351763281246374023895838.jpg

img_20191009_1700553923382749083375250272.jpg

As três cidades ficam bem próximas e são bem parecidas. Porto Xavier é a maior. No próximo Post o encerramento do roteiro pela Fronteira Oeste e Missões. Confira também meu perfil lá no Instagram.

Uma aventura até Garruchos e Pirapó

O Rio Grande do Sul tem 52 cidades sem acesso por asfalto. Entre elas estão Garruchos e Pirapó. Garruchos é uma das mais isoladas. Fica a 52 quilômetros de São Nicolau e no caminho tem uma travessia de balsa, no rio Piratini.

img_20191009_1028567457870683288587389806.jpg

img_20191009_1029283828958965117982422709.jpg

Apesar de ser 52 km de chão, a estrada não é ruim. Já peguei piores. Em época de pouca chuva, tem bastante pó. Garruchos é uma cidade pequena. Logo na chegada, fotografei esta casa abandonada.

img_20191009_1128551914419889399205020974.jpg

Do centro da cidade fomos até as margens do Rio Uruguai.

img_20191009_1140187016777397442901056008.jpg

img_20191009_1145268438186773229237750787.jpg

img_20191009_114445679729340095160689159.jpg

Uma funcionária da agência lotérica do centro nos indicou um restaurante na beira do rio. Fomos lá almoçar. Um peixe maravilhoso. Restaurante bem caseiro e muito bom.

img_20191009_1146181892701514860990963455.jpg

img_20191009_1207589971291803631658538565.jpg

O almoço de Piava com arroz e salada estava ótimo. De Garruchos decidimos seguir direto para Pirapó, em vez de voltar a São Nicolau e pegar o asfalto em direção a Porto Xavier. Foram mais 50 km de chão. Com mais uma travessia do Rio Piratini, de balsa.

img_20191009_1329023708144295091103117687.jpg

img_20191009_132906546499003858823210628.jpg

img_20191009_1330388306641720778039650144.jpg

A partir daí a viagem para Pirapó foi bem complicada. Estrada com trechos ruins e GPS apontando cidade em local errado. Paramos umas 10 vezes para perguntar o caminho, até que chegamos.

img_20191009_1433389825430322266476134419.jpg

img_20191009_1434002782346469233414094128.jpg

img_20191009_1436008734276822527188311182.jpg

Pirapó é maior do que Garruchos.

img_20191009_1436278436671764109927554607.jpg

img_20191009_1436357196120559200664088165.jpg

img_20191009_1436181011480374844950325203.jpg

De Pirapó pegamos mais um trecho de chão até o asfalto da BR-392, mas a estrada estava boa. No caminho, mais uma travessia de Balsa, desta vez no Rio Ijuí.

img_20191009_1447073977316037814441466903.jpg

img_20191009_1447156787814373458138399159.jpg

img_20191009_1448516034922373330715671740.jpg

Com Garruchos e Pirapó chegamos a 490 cidades visitadas no RS. Faltavam só 7 e o pior deste roteiro estava vencido. Os mais de 100 km em estrada de chão. Agora era praticamente só asfalto. Nos próximos Post encerro a aventura de conhecer as 497 cidades gaúchas. Confira também meu perfil no Instagram.

São Nicolau na Rota das Missões

São Nicolau é uma cidade bem pequena mas tem um local histórico. Um parque com ruínas de antigas Missões. A área está bem demarcada e com placas indicativas.

 

img_20191009_0947106104425625791026284717.jpg

img_20191009_0947071097704972878984047707.jpg

img_20191009_094742592692112711956073768.jpg

São Nicolau tem uma pousada e atrai visitantes interessados na história das Missões. As ruínas são poucas em relação a São Miguel das Missões, mas mesmo assim é um lugar interessante.

img_20191009_0948246762964051703500214475.jpg

img_20191009_0948292338153380320323423081.jpg

img_20191009_0948123214642922363081507828.jpg

img_20191009_095432188393487228167550105.jpg

img_20191009_0947551892900193923995056295.jpg

img_20191009_0949470936200417932787568650.jpg

img_20191009_0951449791045715740415802591.jpg

Na frente do parque histórico tem um casarão bem antigo. São as ruínas do Sobrado Silva.

img_20191009_1001084885782154034446902668.jpg

São Nicolau é uma das menores cidades que visitamos neste roteiro. Tem atrativos por causa do parque com as ruínas das Missões. No próximo Post muita aventura por estrada de chão. Confira mais fotos no Instagram.

Percorrendo três pequenas cidades do Noroeste Gaúcho

A viagem para conhecer novas cidades, em Outubro, foi longa. No total percorremos 2.600 km no RS. Estamos agora na região Noroeste, ou Missões. A próxima cidade do roteiro é São Pedro do Butiá. As fotos são da igreja matriz, da avenida principal e da antiga prefeitura.

img_20191009_083406195897434162899076019.jpg

img_20191009_0834174979125591613165620992.jpg

img_20191009_0836385811253197540987753351.jpg

Na saída da cidade para Roque Gonzales fica este parque turístico. É o centro Missioneiro, que tem uma estátua gigante de um Jesuíta.

img_20191009_0842024066146456307581599131.jpg

img_20191009_0842179846318404450830208368.jpg

A cidade de Roque Gonzales tem uma igreja bem parecida com a de São Pedro do Butiá.

img_20191009_0858548423984517318449372285.jpg

img_20191009_0859069516068124109438901959.jpg

img_20191009_0859394666590809718704153667.jpg

img_20191009_0859427584879205579540264451.jpg

img_20191009_0901224033435040819785619012.jpg

A última cidade deste Post é Dezesseis de Novembro. Acesso por estrada asfaltada. Área urbana bem pequena.

img_20191009_0920538084170787599979188513.jpg

img_20191009_0920591813473548110243806298.jpg

img_20191009_0921145734071358193983296045.jpg

Algumas cidades tem praças mais organizadas. em Dezesseis de Novembro tem uma academia de saúde na praça. Bom para os moradores. Confira mais fotos no Instagram.

 

Os Dinossauros de Cândido Godoi

Chegando na cidade de Cândido Godoi por estrada de chão a partir de Ubiretama, uma surpresa. Uma coleção de dinossauros no pátio de uma casa.

img_20191008_1340498741167416227281406637.jpg

img_20191008_1341045303804997519003026451.jpg

A casa é do casal Dapper, que faz esculturas por encomenda.

img_20191008_1342284316145182298205716572.jpg

img_20191008_1342157444672628711013578338.jpg

Essas esculturas são feitas de cimento e depois pintadas. O casal, inclusive, é responsável pelas esculturas do parque de dinossauros da Florybal de Gramado. O trabalho deles é bem bacana.

img_20191008_1342505632230041828178471841.jpg

img_20191008_1343004482384340208774431103.jpg

img_20191008_1342368257615024494579671695.jpg

img_20191008_1343119106855474978847754000.jpg

Bem, depois de desvendar o segredo dos dinossauros, fomos para o centro de Cândido Godoi.

img_20191008_1336201646917874748821641713.jpg

img_20191008_1335454854622197243777768897.jpg

De Cândido Godoi em diante voltamos a pegar asfalto ao visitar as próximas cidades. Naquele dia, os caminhos por estrada de chão terminaram, mas ainda havia muita aventura por estrada sem asfalto pela frente. Confira mais fotos no Instagram.