Derrubadas e o Salto do Yucuman

A cidade de Derrubadas fica na fronteira com a Argentina. O Rio Uruguai separa os dois países naquela região. Cidade pequena, com pouca infra estrutura.

img_20190718_124915276_hdr3959877550372633877.jpg

img_20190718_124856296_hdr4103601481578704343.jpg

A principal atração fica a poucos quilômetros do centro, com acesso por asfalto. É só seguir em frente pela avenida principal, passando pela igreja. O Parque Estadual do Turvo abriga uma das atrações mais conhecidas da região. O Salto do Yucuman. É a maior queda de água longitudinal do mundo. O melhor período para visitar é quando chove menos. É possível ver bem a queda de água, que não tem grande altura. Eu estive lá numa época de rio elevado, então não se pode ver muito, mas mesmo assim fica a impressão de que a região é bem bonita mesmo.

img_20190718_140426775_hdr3277248707051454515.jpg

img_20190718_140114062_hdr1245271276774955205.jpg

Para chegar ao local das quedas, é preciso enfrentar 15 km de uma estrada de chão. A primeira metade está razoável. A segunda metade, ruim, sendo que os últimos 5 km mais ou menos são péssimos. Leva-se uns 40 minutos para percorrer o trecho, sem ter o risco de ver um pneu rasgado pelos pedregulhos. Outro ponto negativo: falta uma passarela para que o visitante possa caminhar sem dificuldades até a beira do salto. Quando a água está elevada, fica mais difícil, com risco de queda nas pedras molhadas. Eu tive de tirar os tênis para chegar perto do rio.

img_20190718_141116789_hdr7991141353728623188.jpg

img_20190718_141111791_hdr7706138360436360282.jpg

img_20190718_134658905_hdr3376153850340281695.jpg

Bastaria construir uma passarela de metal, do tipo que existe em Foz do Iguaçu, para facilitar a vida do turista. Mas como o parque é estadual e depende de dinheiro público, podem esquecer.

img_20190718_140426775_hdr3277248707051454515.jpg

Do lado argentino há passeios de barco pelo rio. Também há pousadas na cidade. Para atravessar o Uruguai é preciso pegar a balsa em Porto Soberbo. Quem sabe da próxima vez que for à região eu faça a visita pelo lado argentino. Na entrada do parque fica a sede, com um museu e lojinha para venda de produtos. Lá o parque é bem organizado e os funcionários bem prestativos.

img_20190718_152658439_hdr7735555994085743910.jpg

img_20190718_152644764_hdr5206184960005272062.jpg

Ah, na área junto ao rio há uma trilha que pode ser feita pelo turista. Leva a uma cascata e a uma pequena barragem. Eu caminhei pelo meio do mato até a cascata, mas pouco se pode ver, por causa do mato.

img_20190718_1431385575087778917061331317.jpg

Enfim, tirando o problema da estrada ruim e da falta de uma passarela, ainda assim vale a pena conhecer esta atração turística. Para aproveitar melhor a vista da queda, é bom telefonar antes para o parque a fim de perguntar a situação do rio. O ingresso no parque custa 17 reais por pessoa. A secretaria de turismo de Derrubadas pode informar a condição do rio, pelo telefone 55 3616 3071 ou 3616 3058. Esta foto que está exposta no parque mostra como é a região em época de seca.

img_20190718_1420599361015960777101606825.jpg

Hospedagem na região há disponível em Tenente Portela. Confira também meus perfis no Instagram. Twitter. Facebook.

O Salto do Rio Pulador em Itapuca

Um dos lugares mais bonitos que conheci nos últimos meses é o Salto do Rio Pulador, que fica no limite dos municípios Itapuca e União da Serra. O acesso é feito por Itapuca numa estrada de chão em ótimo estado. A distância do centro é de cerca de 14 km.

img_20190629_115328351_hdr1266410295761421179.jpg

A ponte une os dois municípios.

img_20190629_115226286_hdr5158689414093627506.jpg

img_20190629_120541483_hdr4665178049836562843.jpg

img_20190629_120752101_hdr3572518496835078913.jpg

Tem lugar para estacionar o carro e caminhar nas pedras.

img_20190629_115220889_hdr5586387547248275896.jpg

img_20190629_115759755_hdr8549295944788843882.jpg

Não é um lugar indicado para banho de rio.

img_20190629_1203318633251429906423062259.jpg

img_20190629_1201490785616423919780534778.jpg

É possível chegar bem perto da queda d’água.

img_20190629_120227425_hdr9218760409197867991.jpg

Itapuca é vizinha de Arvorezinha e Anta Gorda. Em Anta Gorda tem um distrito que também se chama Itapuca. Confira mais fotos no meu perfil no Instagram. Também estou no Twitter e no Facebook.

 

O Caminho Açoriano de Santo Amaro do Sul

Este distrito histórico de General Câmara está com um belo roteiro turístico. O Caminho Açoriano conta com 14 prédios históricos tombados pelo IPHAN. O destaque fica por conta da igreja, que foi construída em 1787, e é a quarta mais antiga do RS.

img_20190627_143943222_hdr8815505673520150784.jpg

img_20190627_144833786_hdr4688271090769970194.jpg

As principais casas históricas ficam em torno da praça central e estão indicadas por placas.

img_20190627_145135804_hdr6807763459033922585.jpg

img_20190627_144130516_hdr4362956021990703975.jpg

Na praça foi construído uma réplica de um forte e há uma homenagem aos imigrantes açorianos.

img_20190627_1452009131051469614506448825.jpg

img_20190627_145057991_hdr5327154419481338115.jpg

O verdadeiro forte foi construído em 1752, às margens do Rio Jacuí. Os passeios são feitos por agendamento, mais informações pelo telefone 51- 3655 1399.

img_20190627_144429434_hdr3225620255570258761.jpg

Em Santo Amaro, as informações são obtidas no centro de atendimento ao turista.

img_20190627_150431344_hdr2928538938948020569.jpg

img_20190627_145352159_hdr769986494747922310.jpg

img_20190627_145925419_hdr7353630488233542409.jpg

img_20190627_145636440_hdr2266631509585782992.jpg

img_20190627_145625734_hdr8022942909287913111.jpg

Perto da eclusa fica a antiga estação ferroviária, outro prédio histórico do distrito.

img_20190627_143641406_hdr6384403253172310647.jpg

A estação fica perto deste outro prédio histórico.

img_20190627_143742039_hdr5338763581260257893.jpg

É possível também agendar um café colonial, que é servido no centro de atendimento ao turista, com produtos caseiros. Custa cerca de 30 reais por pessoa. Para agendar o café basta ligar para 51 – 99604 4024 ou 99804 4024. O acesso a Santo Amaro é feito a partir da RS 244 em General Câmara. Há placas indicando o caminho.Confira também meu perfil no Instagram. Estou ainda no Twitter e no Facebook.

 

 

General Câmara, um mirante e a eclusa de Santo Amaro

A cidade de General Câmara começou a partir de uma instalação militar na região. A área urbana é bem pequena e no centro ainda existem algumas casas da antiga vila militar.

img_20190627_135109426_hdr8870625552350832927.jpg

A igreja matriz está passando por reformas.

img_20190627_134417051_hdr3638344444633172455.jpg

General Câmara tem a prainha que fica no Rio Jacuí, no limite com São Jerônimo.

img_20190627_132958847_hdr8126641577745019788.jpg

No verão está sempre cheio nos fins de semana. A ponte do Rio Jacuí separa os dois municípios.

img_20190627_132921743398944561435869418.jpg

Uma das principais atrações de General Câmara é o distrito de Santo Amaro do Sul. Na estrada, que é de chão e tem uns 6 km, construíram este mirante

img_20190627_141807700_hdr3791887321017196634.jpg

É possível subir e fazer fotos da região.

img_20190627_1414057103265333831922721070.jpg

img_20190627_141357966_hdr4881012471677831033.jpg

Santo Amaro fica às margens do rio Jacuí, e lá tem uma eclusa que pode ser visitada.

img_20190627_142739089698129471700327992.jpg

img_20190627_143031849_hdr5272480726423871810.jpg

A eclusa é usada para facilitar a navegação.

img_20190627_1428339743626387040959543973.jpg

img_20190627_142826950_hdr2852247023044326291.jpg

Tem alguns locais bonitos para fotografar.

img_20190627_143304227_hdr175555110134465051.jpg

Santo Amaro está incrementando o turismo e agora conta com um roteiro chamado de Caminho Açoriano, sobre o qual vou falar no próximo post. Confira minhas fotos no Instagram. Estou também no Twitter e no Facebook.

Uma gruta e uma cascata em Guaporé

A cerca de 5 km do centro da cidade de Guaporé, com acesso razoável, ficam uma gruta e uma cascata. A primeira atração é a Gruta do Seminário, que fica num local de mata fechada.

img_20190622_135825635803831890763252870.jpg

É possível chegar de carro bem perto da gruta.

img_20190622_135923044_hdr265198918960295026.jpg

img_20190622_1358450645862485917551932124.jpg

A estrada que leva até a gruta está boa  na maior parte. Apenas o trecho final é mais estreito.

img_20190622_1359479121305790397906247710.jpg

Bem perto da gruta fica a cascata Salto da Taquara. A estrada é estreita no fim e termina numa casa. Depois é só caminhar uns 200 metros.

img_20190622_144913665444967249863926089.jpg

img_20190622_1451540213131972252612170455.jpg

A gente caminha até a parte de cima da cascata. Não sei se é possível chegar na parte de baixo. Há um riacho na área.

img_20190622_1454406878305462012153882410.jpg

Neste dia que visitei Guaporé segui depois pela RS-129 em direção a Encantado. Lá, fui conferir a Lagoa Garibaldi, uma das atrações da região.

img_20190622_1648566254079634872078687784.jpg

Era fim de tarde e o Sol já estava quase se escondendo no Horizonte.

img_20190622_164906225_hdr4184340680400680352.jpg

Como é Inverno, escurece mais cedo.

img_20190622_164849982_hdr2091450743133395102.jpg

A Lagoa Garibaldi tem acesso por asfalto. Fica a menos de 10 km do centro de Garibaldi. Confira também meu perfil no Instagram. Estou ainda no Twitter e no Facebook.