Um passeio pelas ruínas das Missões

As ruínas de uma antiga missão jesuítica são a principal atração turística da região gaúcha conhecida como Missões. As ruínas ficam num parque estadual na cidade de São Miguel das Missões. É uma cidade pequena, que agora parece melhor estruturada para receber visitantes. Vale realmente a pena viajar para lá e conhecer as ruínas.

IMG_4660

IMG_4661

O visitante pode caminhar à vontade pelo parque.

IMG_4664

IMG_4665

O parque inexplicavelmente fecha ao meio-dia. Então é preciso ficar atento aos horários.

IMG_4675

IMG_4677

IMG_4679

Na cidade de São Miguel há um ótimo hotel e algumas pousadas, além de um bom restaurante.

IMG_4682

IMG_4683

Algumas agências oferecem caminhadas pela região, para conhecer outros resquícios dos jesuítas, mas o que vale mesmo são as ruínas de São Miguel.

IMG_4684

IMG_4688

Outra cidade das Missões que vale a pena conhecer é Santo Ângelo. Mais fotos de viagem, no Instagram. Ou no Twitter.

Na terra de Erico Verissimo

A cidade de Cruz Alta é conhecida principalmente por ser a terra do escritor gaúcho Erico Verissimo, autor da trilogia O Tempo e o Vento, que eternizou personagens como Capitão Rodrigo e Ana Terra. Existe lá, inclusive, um museu que conta a história do escritor. A Casa de Erico Verissimo fica bem o centro da cidade.

DSCN3600

Casarões antigos também são encontrados em várias partes de Cruz Alta.

DSCN3585

DSCN3586

DSCN3592

DSCN3590

Algumas igrejas também.

DSCN3584

DSCN3588

Cruz Alta é uma cidade com várias praças que, nas tardes dos fins de semana, servem para o lazer da população, que também curte o calçadão da rua Pinheiro Machado.

DSCN3583

DSCN3582

Cruz Alta tem um bom potencial turístico mas, a exemplo de outras regiões gaúchas, aproveita mal. Um desses locais é a antiga estação ferroviária, que me pareceu abandonada quando passei por lá.

DSCN3611

DSCN3614

DSCN3605

DSCN3619

DSCN3615

Ainda passa trem em Cruz Alta e em muitos horários. Quem se hospeda em hotéis do centro ouve o apito do trem o dia todo e parte da noite.

DSCN3601

Outro exemplo de turismo esquecido. O Memorial Lenda da Panelinha é citado no site da prefeitura como uma das atrações de Cruz Alta. Fica na esquina das ruas Felipe Portinho e General Andrade Neves, no centro. Segundo a prefeitura, é “um belo recanto com vertente d’água e esculturas em bronze do artista plástico cruz-altense Jorge Schroeder, que retratam a mais conhecida das lendas da localidade. Uma índia oferecendo água para um tropeiro. Conta a história que havia um arroio que se chamava Panelinha, cujas águas serviam para matar a sede dos tropeiros que levavam mercadorias do interior do Rio Grande do Sul para Sorocaba, em São Paulo. As índias da região davam de beber a esses tropeiros e eles sempre retornavam. A partir disso foi se solidificando a crença de que “quem bebe da água da Panelinha sempre volta a Cruz Alta”. Com o passar do tempo ergueram-se casas a beira da Panelinha, e lentamente esse povoado virou a cidade de Cruz Alta. Hoje, no entanto, esse recanto histórico está completamente abandonado.

DSCN3622

DSCN3623

Acho que até a fonte de água secou. Lamentável. Visite meu perfil e curta minhas fotos no Instagram. Também tenho conta no Twitter.

Um passeio pela Sede Aurora

Fundada por imigrantes italianos no começo do século 20, a comunidade de Sede Aurora fica no município de XV de Novembro, na região Noroeste do Rio Grande do Sul. É bem às margens da barragem da usina de Passo Real, uma das mais antigas do Estado. Com a inauguração da usina, em 1970, Sede Aurora perdeu grande parte das terras, que ficaram submersas. Hoje, há pouca coisa no lugar, que é usado principalmente como lazer em função da barragem. O acesso é feito a partir de XV de Novembro, numa estrada com calçamento. São poucos quilômetros. Em Sede Aurora, tem a igreja e um museu.

DSCN6173_640x480

DSCN6175_640x480

DSCN6177_640x480

Sede Aurora, hoje, realiza várias atividades dentro do calendário de eventos de XV de Novembro. Entre elas festas religiosas.

DSCN6178_640x480

DSCN6179_640x480

DSCN6180_640x480

XV de Novembro tem acesso por asfalto a partir de Ibirubá, que é a maior cidade da região, conhecida como a Rota das Terras Encantadas.

DSCN6182_640x480

DSCN6183_640x480

DSCN6184_640x480

A barragem de Passo Real é muito usada para o lazer, especialmente no verão.

DSCN6189_640x480

DSCN6192_640x480

DSCN6191_640x480

Passear de carro pelo Noroeste gaúcho é muito bom. O céu azul em contraste com o verde das lavouras e o tom avermelhado da terra sempre rende boas fotos. E de vez em quando há algo diferente para fotografar.

DSCN6195_640x480

DSCN6196_640x480

A barragem de Passo real é bem grande e as águas banham diversos municípios da região.

DSCN6194_640x480

DSCN6197_640x480

Para se hospedar na região da Sede Aurora a opção é Ibirubá. Tem dois bons hotéis por lá. Cruz Alta também fica na região. Eu também tenho fotos no Instagram. E conta no Twitter.