A Cascata Vitória de Maratá

Um lugar bem bonito que fica relativamente perto de Porto Alegre. Maratá é uma cidade vizinha de Montenegro. O acesso para a cascata Vitória é pago. Custa 12 reais por pessoa. Á área é da prefeitura mas foi concedida a particulares. Antes, o local estava meio abandonado.

No verão o local fica bem cheio, já que é possível tomar banho por lá.

Ao lado do parque tem uma ponte pênsil que pode ser atravessada facilmente. Lá tem uma trilha de uns 500 metros que leva ao alto do morro, num local onde já funcionou uma hifdrelétrica.

A trilha é bem fácil e tem cordas para ajudar na subida. Para chegar lá em cima não é preciso pagar os 12 reais do parque. O pagamento vale para quem quer chegar perto da Cascata Vitória.

Maratá tem outra cascata, na saída para Salvador do Sul. Esta fica em área particular e também tem pagamento de ingresso. Confira mais fotos de minhas viagens lá no Instagram.

Passando pela localidade de Entrepelado

Este Distrito de nome estranho fica em Taquara, numa estrada de chão que começa na RS-020 e vai até Santo Antônio da Patrulha.

A estrada não é ruim. É bem larga e está bem plana na maior parte do trecho. O que tem em Entrepelado? Pouca coisa. Algumas casas e uma igreja.

Neste prédio antigo funcionava alguma coisa…

No caminho para Santo Antônio da Patrulha passei por outras comunidades da região, entre elas Catanduva Grande.

Pelo caminho, belas paisagens e pequenas igrejas, além de uma estrada que em dias mais secos deve ter muito pó.

Entre Taquara e Santo Antônio da Patrulha existem diversas comunidades que já foram mostradas aqui no Site. Confira mais fotos de viagens lá no meu perfil no Instagram.

No Parque Alto da Pedra, em Igrejinha

Saindo de Gramado por uma estrada de chão ao lado da RS-115, no caminho tem o Parque Alto da Pedra, que fica depois de Três Coroas, já em Igrejinha. É uma área particular. O ingresso custa entre 5 e 10 reais.

Do alto do Morro é possível avistar várias cidades da região, inclusive Porto Alegre, ao longe.

É um lugar que costuma ficar bem movimentado nos fins de semana.

A estrada que leva ao parque é bem estreita e com aclives, mas tem calçamento nos trechos mais complicados.

Dizem que o pôr do Sol lá em cima é bem bonito. Quando estive por lá o céu estava bem nublado.

O parque até o centro de igrejinha é bem perto, são poucos km. E na maior parte deste trecho tem asfalto. Confira mais fotos de minhas viagens lá no Instagram.

Uma pousada em Cambará do Sul

Cambará também é conhecida como a terra dos Cânions, mas seu maior problema é a falta de uma grande estrutura para receber visitantes. Tem algumas pousadas mais simples, alguns hotéis mais caros e só. Agora tem uma nova pousada, bem no centro, a Serra Verde, que oferece um serviço diferenciado.

Tudo é bem novo. Limpo. Bem atendido

Junto funciona uma cafeteria, aberta ao público.

Os quartos são de bom tamanho. Tem varanda. O wi fi funciona. A tv é de tamanho grande. Um ótimo ambiente.

Junto à recepção tem uma lareira e uma sala de estar para os hóspedes.

O café da manhã tem uma grande variedade de produtos. E o melhor, a pousada fica bem no centro da cidade, a duas quadras da praça principal.

Cambará tem um centro bem pequeno, mas já cresceu o número de restaurantes para atender o turista. Quem caminha pelo centro encontra alguns casarões antigos.

O prédio da Pousada Serra Verde é novíssimo e foi inaugurado em março deste ano.

A pousada tem uma garagem coberta nos fundos, mas para poucos carros. Há um estacionamento no terreno ao lado. A diária para casal em dias de semana custa pouco mais de 300 reais. Nos fins de semana é mais caro, mas a qualidade do atendimento e do que a pousada oferece, compensa. Confira mais fotos de minhas viagens por aí lá no Instagram.