A antiga ponte de pedra de Cachoeira do Sul

Um local histórico meio abandonado no interior de Cachoeira do Sul. Esta antiga ponte já foi usada para acesso à cidade, antes da abertura da rodovia estadual. Fica dentro de uma propriedade mas o acesso é livre. O local é usado por moradores da região para banhos de rio.

O Google Maps mostra a ponte em lugar errado. É possível chegar de carro bem ao lado, e até passar pela ponte se quiser. A estrada de chão é boa.

O local é histórico, mas parece que o município não dá muita atenção a ele.

Nos fins de semana de verão é possível encontrar muita gente acampada por lá.

A ponte fica a uns 12 km do centro de Cachoeira do Sul. Acesso principalmente por estrada de chão. Geralmente em bom estado. Somente a parte final é mais estreita. Confira mais fotos de minhas viagens no Instagram.

Ponte ferroviária sobre o Rio Botucaraí

Esta ponte ferroviária fica entre Rio Pardo e Cachoeira do Sul. Ela é visível de uma estrada de chão secundária que sai da localidade de Bexiga em direção a Cachoeira do Sul. A ponte rodoviária sobre o rio Botucaraí é bem simples.

Ao longe se vê a ponte para os trens.

Dá para estacionar o carro e caminhar até a ponte ferroviária.

Por uma trilha , é possível chegar na parte superior da ponte.

Os trilhos são vazados e me lembraram o viaduto da mula preta. Não consegui caminhar muito sobre os trilhos.

Esta parte do rio Botucaraí também é usada para banhos, mas não me agradou muito. Água muito escura e meio parada. Prefiro as praias do Jacuí em Rio Pardo e General Câmara. Confira mais fotos de minhas viagens por aí lá no meu perfil no Instagram.

Estação ferroviária abandonada em Bexiga

Outra estação de trem antiga e abandonada no RS. Esta é a de Bexiga, o distrito de Rio Pardo mostrado no Post anterior. A estação fica a uns 3 km do centro do distrito. O lugar para estacionar o carro fica ao lado da linha ferroviária.

Depois é preciso caminhar uns 500 metros sobre os trilhos.

Ela lembra bastante a estação de Pederneiras.

Fazia parte da Linha Porto Alegre – Uruguaiana e foi inaugurada em 1883. O prédio atual é de 1973. Depredado e destruído.

Atualmente a linha ferroviária é usada apenas por trens de carga.

Quem gosta de caminhar pelos trilhos sempre encontra algo interessante para fotografar.

O Distrito de Bexiga está mais perto da cidade de Cachoeira do Sul, mas pertence ao município de Rio Pardo. Aliás, Rio Pardo tem um grande tesouro histórico. Pena que o município não saiba aproveitar esse potencial. Confira mais fotos de viagem lá no Instagram.

No Distrito de Bexiga, em Rio Pardo

O Distrito de Bexiga fica ao oeste do centro da cidade de Rio Pardo, já quase em Cachoeira do Sul. O acesso é feito a partir da estrada Rio Pardo – Cachoeira, mas eu cheguei lá por uma estrada secundária, saindo da estação ferroviária de Pederneiras.

No caminho, passei pela capela de São José.

E por uma igreja da Assembléia de Deus com ares de abandono.

No Distrito de Bexiga, quase tudo é abandono. A começar pelo prédio onde funcionou uma antiga fábrica.

Lá também tem algumas casas bem antigas, que me parecem abandonadas.

E, claro, que tem a pequena igreja.

As estradas de chão da região estão em bom estado. Algumas pequenas saliências na pista, causadas pela água da chuva, e poucas pedras. O que incomoda mesmo é o pó. É possível trafegar com qualquer tipo de veículo. Mais fotos de minhas viagens estão disponíveis no meu perfil no Instagram.

A estação ferroviária de Pederneiras, em Rio Pardo

Esta antiga estação de trem está abandonada, como tantas que existem por aí. Fica a uns 15 km de Rio Pardo, com acesso a partir da estrada para Cachoeira do Sul. O último trecho da estrada é estreito, mas trafegável. É possível estacionar o carro bem perto da estação.

A estação original foi inaugurada em 1883. O prédio atual é de 1973, mas está abandonado e depredado.

Esta ferrovia era utilizada pela linha Porto Alegre – Uruguaiana, mas o trem de passageiros foi abandonado há muito tempo no RS.

Hoje, os trilhos são usados mais para caminhadas…

A estação é bem isolada, não existe moradias nas proximidades.

A estrada que liga Rio Pardo e Cachoeira do Sul começa com asfalto em Rio Pardo, mas depois é chão. Está em bom estado de conservação, apenas tem muito pó. Nas proximidades da estação tem um túnel, o de Pederneiras. Desta vez não fui conhecer o túnel porque estava muito calor e não sei a distância que é preciso caminhar nos trilhos para chegar a ele. Vou voltar à região no Outono ou Inverno. Confira mais fotos de minhas viagens lá no Instagram.