De São Valentim do Sul a Dois Lajeados por estrada de chão

O caminho entre as duas cidades é feito pelas RS 431 e 129. Asfalto. Eu prefiro percorrer os caminhos alternativos. Este roteiro foi feito por estrada de chão, saindo da localidade de São Jerônimo, às margens do Rio carreiro. Na subida para a RS-129 passei pela Linha Azambuja, interior de São Valentim do Sul.

Em seguida tem uma comunidade um pouco maior, conhecida como Fazenda Fialho, ainda em São Valentim do Sul.

De Fazenda Fialho cheguei a RS-129 e fui para o interior de Dois Lajeados, onde passei pelo capitel Santo Antônio.

Tentei chegar numa cascata em Dois Lajeados, mas não consegui. A cascata do Monte Cuco. Cheguei próximo mas não achei trilha que levava até a água. No caminho fotografei uma casa antiga.

De um ponto da estrada se avista um dos viadutos ferroviários da região.

E passei pela localidade de Nossa Senhora das Graças, com a igrejinha que parecia abandonada, mas não está. Apenas fechada.

Dois Lajeados é famosa pelos túneis ferroviários e os viadutos. Já conheço os principais. De Dois Lajeados subi a RS-129 em direção a Guaporé, onde passei a noite. No dia seguinte, segui para o Norte mais uma vez e conheci uma bela capela de madeira. Assunto para o próximo Post. Mais fotos de viagens você acompanha no meu perfil no Instagram.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s