Na região da Tri Fronteira

Vou começar aqui a falar sobre a viagem que fiz no começo de 2020. Entre o fim de janeiro e a primeira metade de fevereiro foram 20 dias na estrada, num total de 5.800 km, passando por 6 estados. A viagem começou num domingo bem cedo, com destino a Dionísio Cerqueira, no extremo oeste catarinense, quase na divisa com o Paraná. Antes, parei em Iraí, no RS, para o almoço. A cidade tem uma das melhores águas termais do País, mas peca na falta de uma boa estrutura para atender ao turista.

img_20200126_1220100663209907449687524927.jpg

No centro de Iraí há muitos prédios antigos.

img_20200126_1220035058297585136483830834.jpg

Alguns hotéis são velhos, outros mais novos. No centro da cidade falta mais atrativo para o visitante. Afinal, quem vai a Iraí não irá ficar apenas no parque de águas termais. Vai querer circular pela cidade também. Enfim, depois de Iraí entrei em Santa Catarina e segui mais para o Oeste, até Dionísio Cerqueira.

img_20200126_1605381091078670162046508013.jpg

A cidade catarinense é vizinha de Barracão, no Paraná. Em alguns momentos as duas cidades se confundem.

img_20200126_1617167462668852655268954250.jpg

E a região é chamada de Tri Fronteira porque as duas cidades brasileiras fazem fronteira com a Argentina, na cidade de Bernardo de Irigoyen. Tem uma praça que faz a divisa de SC com a Argentina.

img_20200126_1623394933662839809241956917.jpg

Caminhando pela praça, chega-se a outro país….

img_20200126_1630290648120420008060943061.jpg

img_20200126_1630449114123795156845332806.jpg

Como em toda região fronteiriça, as populações se misturam. Passeando em torno do lago, é possível ouvir pessoas falando em português e em espanhol.

img_20200126_1633484393799765437277880419.jpg

img_20200126_1657545872216876756030883035.jpg

Para cruzar a fronteira de carro é preciso passar pela aduana. A pé é mais fácil.

img_20200126_1733517448845594761128546973.jpg

img_20200126_1701115324916745565372938991.jpg

Acho que falta uma melhor divulgação por parte das cidades brasileiras dessa peculiaridade da região. Podiam espalhar mais placas indicando onde é o Brasil, onde é a Argentina e onde é SC e PR. Mas parece que nem sempre as cidades sabem se aproveitar dessas oportunidades para atrair o turista. Dionísio Cerqueira e Barracão tem hotéis e uma boa estrutura para receber visitantes. A viagem continua no próximo Post. E confira também mais fotos que eu costumo postar no meu perfil no Instagram.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s