Passeio pelo Alto do Jacuí

Circular de carro pela região da barragem de Passo real é bem interessante. Há uma série de pequenas cidades para conhecer. A primeira delas é Fortaleza dos Valos, que tem um nome estranho, mas explicável. Há inclusive várias versões. A origem é relacionada a enormes valos abertos pelos índios em torno de uma Fortaleza Jesuítica. Outra versão assegura ter a Fazenda Fortaleza abrigado revolucionários em 1893, que abriam valos para lhes servirem de trincheiras. Há, ainda, outra ligada à demarcação de território para criação de gado. Como não havia cercas, eram feitos valos para separar as invernadas. Conforme estudiosos, ainda há valos na região que comprovariam esta versão. Quem visita Fortaleza dos Valos se surpreende porque a cidade é a maior das “pequenas cidades” da região. Tudo graças ao dinheiro do agronegócio.

DSCN3625

DSCN3624

A cidade tem alguns prédios mais altos, ao contrários de outras da região que possuem apenas casas. E avenidas asfaltadas.

DSCN3627

DSCN3628

As versões sobre a origem do nome foram deixadas pelos primeiros habitantes, os lusos brasileiros Por volta de 1922, foi iniciada a colonização. Os primeiros colonos eram italianos procedentes de Nova Palma e alemães vindos do Alto Uruguai e da Europa.

DSCN3629

DSCN3630

O acesso para Fortaleza dos Valos a partir da RS-223 a partir de Cruz Alta não tem asfalto. Tem é muito pó, mas está em boas condições. Para pegar asfalto é preciso seguir mais adiante e entrar à direita para 15 de novembro, em frente à Ibirubá. É só asfalto. Abaixo foto de uma localidade entre 15 de novembro e Fortaleza dos Valos.

DSCN3631

DSCN3633

DSCN3632

Fortaleza dos Valos também é banhada pela barragem do Passo Real. Outra pequena cidade da região do Alto Jacuí é Campos Borges. A cidade é cortada pela rodovia, que acaba sendo a avenida principal.

DSCN3538

DSCN3541

Campos Borges tem população de quase 4 mil pessoas. A cidade é banhada pela barragem do Passo Real, mas parece que ainda não encontrou o caminho para explorar melhor o turismo. Tem uma igreja diferente das tradicionais, bem parecida com a igreja da cidade vizinha de Alto Alegre.

DSCN3537

DSCN3539

DSCN3540

DSCN3542

Campos Borges tem como vizinhos as cidades de Alto Alegre e Jacuizinho. Todas bem pequenas e bem parecidas. Alto Alegre é a próxima da lista. Tem pouco mais de 2 mil habitantes e foi fundada por imigrantes. Alemães e italianos. No centro tem a tradicional praça com a igreja, a de São Marcos, que não tem uma aparência bem diferente das igrejas tradicionais.

DSCN3528

DSCN3532

DSCN3533

O nome da cidade surgiu por ocasião da festa de inauguração da escola, em 28 de julho de 1934. Como a festa foi muito animada, o povo muito alegre, e o lugar bonito e muito alto, as autoridades presentes disseram que o lugar deveria chamar-se ALTO ALEGRE. A agricultura é a base da economia, predominando soja e trigo.

DSCN3529

DSCN3530

DSCN3531

Saindo de Alto Alegre em direção a Campos Borges tem a localidade de Linha Bonita, com o cemitério bem às margens da estrada.

DSCN3535

DSCN3536

Para acompanhar minhas fotos, confira meu perfil no Instagram. Eu também estou no Twitter.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s