A pequena Finlândia de Penedo/RJ

Esta é uma curiosidade da cidade de Penedo, no Estado do Rio, no Sul, perto da região do Pico das Agulhas Negras. O acesso é pela Via Dutra, a estrada que liga RJ e SP. A pequena Finlândia é na verdade um mini shopping, com lojinhas em casas típicas da Finlândia.

Este alce aí da foto acima fica ao lado da casa do Papai Noel, que como todos sabem, mora na Finlândia… Aqui em Penedo tem ainda outro pequeno shopping, o Vale dos Duendes.

O  objetivo, na verdade, é tentar criar um clima diferenciado para o turista. Alguns sites falam que Penedo tem um clima europeu. Nada a ver. É uma vila, com muitas pousadas, restaurantes, bares e lojas. Não tem nada de europeu. É uma cidade bem comum e pequena. Para curtir minhas fotos, me siga no Instagram ou no Twitter.

Na terra de Gisele Bundchen

A Top Model mais famosa do mundo nasceu no Rio Grande do Sul. A terra dela é Horizontina, na região Noroeste, uma pequena cidade na região de Três de Maio. Horizontina tem uma bela praça no centro.

DSCN0582

DSCN0583

Além de ser a terra da Gisele, Horizontina também se destaca pela produção de máquinas agrícolas.

DSCN0584

DSCN0586

Bem na frente da praça fica a igreja Nossa Senhora do Rosário.

DSCN0580

DSCN0581

Na estrada de Três de Maio para Horizontina encontrei um lugar diferente da paisagem normal do Noroeste do RS, marcado por grandes áreas de plantações.

DSCN0574

DSCN0575

DSCN0579

Alguns dos principais pontos turísticos de Horizontina fica na área rural, como a cascata do Buricá e o Morro da Bela Vista. Mas certamente Horizontina é bem mais conhecida como a terra da Gisele… Para curtir minhas fotos, me siga no Instagram. Ou no Twitter.

Uruguaiana, na Fronteira Oeste Gaúcha

Uruguaiana é a maior cidade da Fronteira Oeste gaúcha e fica às margens do Rio Uruguai. Inclusive há um lugar para acompanhar o Por do Sol. Nos fins de tarde é comum ver muitas pessoas por lá.

IMG_2025

IMG_2027

O local fica perto do centro, do lado esquerdo da ponte para quem segue em direção a Paso de Los Libres.

IMG_2022

E a ponte fica bem bonita iluminada pelo sol poente.

IMG_2040

IMG_2042

IMG_2044

Uruguaiana também tem praias no Rio Uruguai, mas ficam mais longe. Esta região no centro não é boa para banho.

IMG_2038

IMG_2046

O negócio, lá é aproveitar o Por do Sol.

IMG_2053

IMG_2054

IMG_2059

IMG_2065

Agora um pouco de fotos da cidade. É lá que fica a famosa ponte que liga o Rio Grande do Sul a Paso de Los Libres, na Argentina.

IMG_2020

Inaugurada na década de 40, a ponte internacional tem quase 1,5 Km.

IMG_2007

Uruguaiana tem uma grande rede de hotéis. No centro, se destaca o Parque D.Pedro II.

IMG_1987

A catedral fica bem na frente.

IMG_1985

IMG_1986

No entorno da praça, muitos prédios antigos.

IMG_1988

IMG_1990

IMG_1995

A igreja vista de outro ângulo.

IMG_1989

O castelinho da XV, uma propriedade particular que é residência de uma família. Fotos, só do outro lado do portão.

IMG_1994

Na frente do castelo fica a Vila Militar:

IMG_1992

Outra igreja da cidade fica às margens do Rio. A de Nossa Senhora do Carmo, construída em 1928 em estilo gótico. Fizeram um prédio ao lado, quase colado, o que deixa a igreja numa situação estranha, quase escondida.

IMG_2018

IMG_2019

IMG_2021

Uruguaiana é vista de Paso de Los Libres, do outro lado do Uruguai.

IMG_2006

Uruguaiana está a 650 Km de Porto Alegre, numa viagem pela BR-290. Depois de Alegrete a estrada é tranquila, com pouco movimento. Eu costumo postar fotos também no Instagram e no Twitter.

Na bela Poços de Caldas em Minas Gerais

Poços de Caldas fica no sul de Minas, quase na divisa com São Paulo, numa região serrana e de alta altitude. A vila que pertencia à cidade de Caldas cresceu por causa da exploração das águas termais. É uma cidade que vive quase que para o turismo, embora tenha também plantações de café. Algumas fotos do centro.

O Hotel Palace, fundado em 1927.

O parque municipal onde é possível fazer tratamentos com a água termal.

A parte interna do prédio que fica bem no centro da cidade.

Também no centro, a algumas quadras, fica a praça dom Pedro Segundo, mais conhecida como praça dos macacos. Lá tem água termal, quente, saindo das torneiras, à disposição de quem quiser, de graça.

Poços de Caldas é uma das cidades mais agradáveis que conheço. É gostoso caminhar pelas ruas e praças. Muitos bares e restaurantes colocam mesas nas calçadas e o movimento é intenso à noite.

Há ótimos cafés aqui. Minas é um grande produtor de café. A rede de hotéis é variada, tem para todos os gostos. Há os hotéis de luxo, como o Palace, e os mais simples, que também são bons, limpos e confortáveis. Afinal, não se vai a Poços para ficar confinado num hotel, mas para passear pela cidade. Lá é possível conhecer a pedra balão, que foi esculpida pela erosão natural.

É possível subir na pedra. Há uma escada de ferro.

A pedra balão fica no mesmo caminho que leva ao Cristo. Bem fácil e bem sinalizado. Do alto do Cristo, o visitante tem uma vista de toda a cidade. Dá para chegar lá de carro ou teleférico. A altitude é de 1.686 metros acima do nível do mar.

O Cristo fica de frente para a cidade, claro.

No alto do morro há também uma pista para voos de paraglider. Deve ser muito legal sobrevoar a região.

Como muitas cidades mineiras, Poços de Caldas tem um coreto na praça.

O coreto fica bem no centro.

Mais fotos de viagens lá no Instagram ou no Twitter.

A capital mundial do Tricot

O Rio Grande do Sul tem a capital das malhas, e Minas Gerais a do Tricot. É a cidade de Monte Sião, na divisa com São Paulo.

Monte Sião Está a 8 km de Águas de Lindóia, em terras paulistas. É considerada a capital nacional do tricot porque na cidade existem muitas mas muitas malharias. Até os orelhões são cones de lãs…

Monte Sião é frequentada principalmente por mineiros e paulistas. Gaúchos por aqui são raros. A cidade na verdade é um shopping gigantesco, com lojas por todos os lados.

A rua principal tem uma espécie de calçadão.

Alguns prédios antigos foram transformados em galerias, com mais lojas.

Pois é, Monte Sião possui cerca de 800 lojas. E olha que é muito para uma cidade pequena. Se Farroupilha é a capital nacional da malha, Monte Sião é a capital nacional do tricot. Mais fotos lá no Instagram. Ou no Twitter.