Na Serra Mineira: Santuário da Piedade

Na verdade, Minas Gerais tem várias regiões de Serra. É um estado bem variado em termos de destinos turísticos. Um dos lugares mais incríveis fica a menos de 50 Km de Belo Horizonte. É o Santuário Nossa Senhora da Piedade, que está localizado no município de Caeté. É cenário de riquíssima beleza natural, no alto da montanha, a 1.746 metros de altitude.

DSCN4995

DSCN4990

DSCN4991

Um lugar para quem busca tranquilidade e a beleza da natureza. Nossa Senhora da Piedade é a padroeira de Minas Gerais.

DSCN5011

DSCN5020

Do alto do Santuário, em dias claros, é possível ter uma das mais belas vistas das montanhas de Minas. São 360 graus de panorama. Nas fotos abaixo a cidade de Caeté e uma das muitas barragens de mineração da região.

DSCN5007

DSCN5008

No santuário há uma igreja, do século 18, além de um observatório astronômico.

DSCN5024

DSCN5029

DSCN5031

DSCN5032

DSCN5036

DSCN5005

DSCN5006

Para o turista, há um restaurante e uma capela, além de uma cafeteria e loja de souvenirs. É possível almoçar em uma mesa na janela, com uma vista espetacular. O restaurante funciona todos os dias, serve almoço a quilo e o preço é baixo em relação a outros restaurantes da região. Nos fins de semana e em feriados o santuário fica mais movimentado.

DSCN4988

DSCN4985

DSCN4994

DSCN5001

A entrada para o Santuário fica a 16 Km do centro de Caeté. Depois da portaria, tem mais uns 5 Km de subida, afinal são mais de 1.700 metros.

DSCN5049

DSCN5046

DSCN5042

DSCN5040

DSCN5038

Essas rochas que fazem parte do cenário do santuário tem nada mais nada menos que 2 bilhões de anos. Antes de subir ao Santuário passe pelo centro da cidade de Caeté e conheça a igreja matriz.

DSCN4973

DSCN4977

DSCN4978

Como tantas outras cidades mineiras, Caeté também tem o seu coreto.

DSCN4976

Se você estiver em BH e de carro, siga para Caeté passando por Sabará. A estrada é estreita, tem movimento na região de Sabará, mas vale a pena pela paisagem. A distância é quase a mesma se o trajeto for pela BR-262.

DSCN4971

DSCN4970

Minas Gerais é um estado peculiar porque tem atrativos para todos os gostos. O santuário da Piedade se assemelha ao da Caraçá, outro lugar incrível em Minas que vou falar mais a respeito mais adiante. Confira também as fotos do Blog no Instagram. Mais informações sobre a região de Caeté no site do Santuário.

Ilópolis: o lago verde e a cascata da baleia

Duas atrações naturais em Ilópolis, cidade localizada no alto do Vale do Taquari, perto de Putinga, Anta Gorda e Arvorezinha. A barragem do Lago Verde foi construída no início da década de 40 para fornecer água à uma pequena usina hidrelétrica que funcionava no município.

DSCN4262

DSCN4263

Com a desativação da usina em 1981, a barragem perdeu sua finalidade original, mas firmou-se como um dos mais belos cartões postais de Ilópolis.

DSCN4264

DSCN4265

DSCN4269

DSCN4270

A água do lago às vezes tem um tom meio esverdeado devido à composição orgânica. O lago Verde fica bem perto do centro de Ilópolis. Há placas indicando o caminho. E logo depois do lago está mais uma atração, a Cascata da Baleia.

DSCN4278

A Cascata da Baleia é formada por três quedas d’água consecutivas, e atinge uma altura de 50 metros.

DSCN4277

Para chegar até a cascata, o turista precisa descer pouco mais de 200 degraus e caminhar por 200 metros de trilha.

DSCN4274

DSCN4276

Na área da cascata, mais uma vez percebe-se a falta de educação de alguns visitantes. Latas de cerveja entre as pedras e isso que existe uma lixeira na entrada.

DSCN4282

DSCN4287

DSCN4286

Bem, não se assuste com os degraus e a trilha. Vale a pena fazer a caminhada e conhecer a cachoeira.

DSCN4284

DSCN4285

A estrada que leva até a região da cachoeira está ótima e o trajeto é curto.

DSCN4288

E circulando pelo centro de Ilópolis, o visitante descobre algumas casas antigas.

DSCN4260

Confira também em Ilópolis o Museu do Pão, que mais adiante irei postar a respeito. E curta minhas fotos no Instagram. Também estou no Twitter.

Um passeio pela Sede Aurora

Fundada por imigrantes italianos no começo do século 20, a comunidade de Sede Aurora fica no município de XV de Novembro, na região Noroeste do Rio Grande do Sul. É bem às margens da barragem da usina de Passo Real, uma das mais antigas do Estado. Com a inauguração da usina, em 1970, Sede Aurora perdeu grande parte das terras, que ficaram submersas. Hoje, há pouca coisa no lugar, que é usado principalmente como lazer em função da barragem. O acesso é feito a partir de XV de Novembro, numa estrada com calçamento. São poucos quilômetros. Em Sede Aurora, tem a igreja e um museu.

DSCN6173_640x480

DSCN6175_640x480

DSCN6177_640x480

Sede Aurora, hoje, realiza várias atividades dentro do calendário de eventos de XV de Novembro. Entre elas festas religiosas.

DSCN6178_640x480

DSCN6179_640x480

DSCN6180_640x480

XV de Novembro tem acesso por asfalto a partir de Ibirubá, que é a maior cidade da região, conhecida como a Rota das Terras Encantadas.

DSCN6182_640x480

DSCN6183_640x480

DSCN6184_640x480

A barragem de Passo Real é muito usada para o lazer, especialmente no verão.

DSCN6189_640x480

DSCN6192_640x480

DSCN6191_640x480

Passear de carro pelo Noroeste gaúcho é muito bom. O céu azul em contraste com o verde das lavouras e o tom avermelhado da terra sempre rende boas fotos. E de vez em quando há algo diferente para fotografar.

DSCN6195_640x480

DSCN6196_640x480

A barragem de Passo real é bem grande e as águas banham diversos municípios da região.

DSCN6194_640x480

DSCN6197_640x480

Para se hospedar na região da Sede Aurora a opção é Ibirubá. Tem dois bons hotéis por lá. Cruz Alta também fica na região. Eu também tenho fotos no Instagram. E conta no Twitter.

 

 

O Parque Inhotim de Minas Gerais

Janeiro sempre é época em que tiro férias e viajo para fora do RS. Em 2018 será diferente. Pretendo sair, mas talvez somente em fevereiro. Para matar a saudade de Minas, um post de uma atração mineira. O Parque Inhotim é conhecido em todo o mundo e não fica muito longe da capital BH. É um verdadeiro museu a céu aberto. O Inhotim fica na cidade de Brumadinho, a uns 60 km de Belo Horizonte pela movimentada BR-381. Nas quartas-feiras o ingresso é de graça e o parque fica bem mais movimentado. De sexta a domingo o ingresso é mais caro.

DSCN4938

DSCN4937

DSCN4939

Um dos lugares mais bacanas do parque é o Doug Aitken. Trata-se de uma grande sala redonda, envidraçada. Microfones foram instalados a 200 metros de profundidade o captam o “som da Terra”. O visitante pode sentar e ficar o tempo que quiser, curtindo o silêncio e o som que vem debaixo da Terra.

DSCN4918

DSCN4920

É preciso muito fôlego para caminhar pelas trilhas do parque.

DSCN4946

DSCN4966

DSCN4924

DSCN4926

Outro lugar que deve ser visitado e fica bem perto do “som da Terra”. O Matthew Barney é uma grande redoma de vidro. Dentro há um trator gigantesco.

DSCN4928

DSCN4929

DSCN4932

No parque há carrinhos elétricos que fazem o transporte dos visitantes, mas para usa-los é preciso pagar uma taxa de R$ 25 por pessoa. Melhor é chegar mais cedo, quando ainda é fresco, e caminhar bastante. Há muitos recantos escondidos no parque.

DSCN4940

DSCN4941

DSCN4942

DSCN4947

No parque há várias galerias com obras de todos os tipos, muitas de arte contemporânea. É meio complicado visitar tudo em apenas um dia. Caminhe pelo parque e visite apenas as atrações que vc achar mais interessante. Se você não gostou de alguma coisa, siga em frente.

DSCN4955

DSCN4950

DSCN4949

DSCN4948

Há também exposições da área da botânica.

DSCN4957

DSCN4960

DSCN4962

No parque há lanchonete e um restaurante que serve buffet a quilo, e não é muito caro.

DSCN4967

DSCN4964

DSCN4963

Para fazer uma visita e não perder nenhum detalhe, confira todas as informações que estão no site do Parque. Você pode se hospedar num hotel em Belo Horizonte e fazer passeio de um dia ao Inhotim. Eu garanto que vale a pena. Confira algumas fotos do Blog também no Instagram.

A barragem de Garibaldi

Todo mundo conhece o passeio de trem de Carlos  Barbosa a Bento. A Maria Fumaça passa por Garibaldi e, antes de chegar na estação, atravessa uma ponte de pedra bem bonita, que fica na entrada da cidade. É o roteiro Passeio da Barragem, ainda um pouco desconhecido dos turistas em geral. Um local para conhecer de carro ou a pé.

img_20171216_14053074088553261.jpg

A barragem fica à esquerda de quem entra em Garibaldi, na rótula principal.

img_20171216_1358211921632197728.jpg

Tem uma parte coberta de plantas aquáticas.

img_20171216_135827328305161830.jpg

img_20171216_140352425947452313.jpg

Há locais para caminhada, inclusive na linha do trem.

img_20171216_135605516_hdr1874145697.jpg

img_20171216_13581084230994058.jpg

A estação ferroviária de Garibaldi fica nas proximidades. A barragem é um bom local para fazer fotos. E mais fotos de viagens em tenho no Instagram. Ou no Twitter.