No Jardim das Esculturas

O Jardim das Esculturas fica localizado no interior de Julio de Castilhos, a quase 80 km de Santa Maria. O acesso mais fácil é a partir de Nova Palma, com 10 km de estrada de chão. A partir da BR-158 passando por Ivorá tem mais chão, mas a estrada não é ruim e está sinalizada. Há placas mostrando o caminho e não tem como errar. O Jardim tem mais de 600 esculturas em pedra que, segundo o autor, refletem sua busca física e espiritual. É considerado o maior espaço de Esculturas em Pedra de Arenito na América Latina esculpida por um único artista. O artista em questão é Rogério Bertoldo.

img_20191130_1519247386474394727858280481.jpg

O ingresso custa 20 reais, mas há meia para idosos. Crianças até 12 anos pagam 12 reais. O jardim das Esculturas existe desde 2005. As obras são expostas em grupos temáticos.

img_20191130_1521124998084814458256725279.jpg

img_20191130_1521530807305287486671135928.jpg

img_20191130_1521329057000738945032974003.jpg

O visitante pode caminhar no meio das esculturas e, aos poucos, ir descobrindo o que o parque tem a oferecer. É um lugar de paz, aconchego e descanso.

img_20191130_1520274304589103970120783175.jpg

img_20191130_1525085875527758327912443639.jpg

img_20191130_1545098181316769510021937314.jpg

Há, por exemplo, a trilha até o Morro do Silêncio. Cerca de meia hora de caminhada tranquila.

img_20191130_1525234537292263261780790921.jpg

No caminho há vários obstáculos que podem ser facilmente ultrapassados.

img_20191130_1534156242099544705710597498.jpg

img_20191130_1533289362112363512809368149.jpg

No alto do morro.

img_20191130_1547042671302284846252893905.jpg

Eu, pessoalmente, achei mais interessante a trilha até o morro. Na volta se faz um caminho diferente.

img_20191130_1557227138787739821456965296.jpg

img_20191130_1558382093585752596208890666.jpg

img_20191130_1558035318365577907849295635.jpg

O parque ganha em média de uma à duas peças por mês. Ainda é possível visualizar o escultor trabalhando na sua oficina. O acervo é uma exposição permanente de propriedade particular. As esculturas não estão à venda.

img_20191130_1604124348136805347557339633.jpg

img_20191130_1603597497197394529135807420.jpg

img_20191130_1603115864634676099305277746.jpg

img_20191130_1556395525222041544377972146.jpg

É, no mínimo, um passeio diferente e curioso. Se você for em dia quente, leve água. Use roupas e calçados leves. Caminhe no parque com calma e desfrute da tranquilidade e do silêncio. o Jardim das Esculturas está aberto ao público de segunda-feira à quinta-feira das 13h às 16h e sextas-feiras, sábados, domingos e feriados nacionais das 9h às 17h. Confira mais fotos de minhas viagens no meu perfil no Instagram.

Um mirante em Faxinal do Soturno

Localizado a uns 400 metros de altitude, o mirante fica na região conhecida como Cerro Comprido. Há uma pequena capela lá em cima, uma ermida. E uma vista de toda a região.

img_20191201_1211472822374343781835311860.jpg

São 6 km em estrada de chão, com placas indicativas no centro da cidade. A estrada não é ruim.

img_20191201_1212223628145909858124522470.jpg

img_20191201_1217311968483868355352448406.jpg

A região é utilizada para caminhadas e eventos na capela que fica no alto do morro.

img_20191201_1217446843114476298209037555.jpg

img_20191201_1218453804968777528752057470.jpg

Faxinal do Soturno fica ao lado de São João do Polêsine, na Quarta Colônia. As duas cidades são pequenas, mas Faxinal é um pouco maior. Em Polêsine, tem um prédio bem antigo onde funcionou um hotel.

img_20191201_1133097901187848772971737665.jpg

img_20191201_1134413623161573072516871972.jpg

O antigo hotel fica na frente da praça da igreja.

img_20191201_1133320352569686344948659256.jpg

Num domingo de dezembro quando passei por lá, a cidade estava bem tranquila.

img_20191201_1134100528132748644735010401.jpg

Perto dali, às margens da RS-149, uma igreja, onde acontecia um almoço de domingo.

img_20191201_1121181134338849986604808479.jpg

img_20191201_1120590734653081529074667897.jpg

Esta região do RS é muito bonita, com vales e montanhas e muito verde. Faxinal do Soturno tem este nome porque fica às margens do Rio Soturno. O Rio banha também a cidade de Nova Palma, onde tem um balneário bastante procurado nos dias quentes. Mas isso é assunto para outro Post. Confira também meu perfil lá no Instagram.

A Vila Belga de Santa Maria

Em novembro fiquei uma noite em Santa Maria e meu hotel era bem no centro. Na mesma rua, duas ou três quadras adiante, fica um grupo de casas coloridas bem antigas. É a chamada Vila Belga.

img_20191201_1024116506571494300309264765.jpg

Essas casas foram construídas no começo do século 20 para abrigar funcionários de uma empresa estrangeira. A Vila Belga fica bem perto da antiga estação ferroviária da cidade. Algumas casas estão bem conservadas e pintadas, outras não.

img_20191201_1028175746066702001289614947.jpg

img_20191201_1028005045488167015733157203.jpg

img_20191201_1024278694247430608839687034.jpg

Circulei bastante de carro por Santa Maria e percebi que a cidade está como Porto Alegre. Cheia de ruas esburacadas. Algumas bem esburacadas. A rua da Vila Belga não tem asfalto, apenas um calçamento que há muito tempo pede uma restauração. Me parece um descaso por parte da prefeitura, já que é uma região turística que poderia ser melhor aproveitada.

img_20191130_1748434915881623221650843653.jpg

img_20191201_1023516521311280277031049991.jpg

img_20191201_1024057916679589241674227759.jpg

Também pelo centro de Santa Maria, tem alguns prédios históricos em torno da praça da igreja matriz.

img_20191130_1308551357843880380900931259.jpg

img_20191130_1310556333770036169608329382.jpg

img_20191130_1323286221553327183426585553.jpg

img_20191130_1311399028367220398950834891.jpg

Falta apenas por parte da prefeitura uma atenção maior com os buracos das ruas e avenidas. Outro ponto: quem viaja pela região deve ficar atento às obras em entroncamentos com BRs. Há desvios e alguns mal sinalizados. São daquelas obras intermináveis, que levam anos para ficar prontas, causando transtornos tanto para os moradores locais como para os viajantes. Confira também meu perfil no Instagram.

Um passeio por Jaguari

Dizem que Jaguari tem um dos melhores Carnavais do Estado. Bem, isso não sei, até porque nem gosto de Carnaval. A cidade fica no fim da região central, já quase na Fronteira Oeste. Uma cidade mediana, com uma grande igreja.

img_20191129_1712272456626070100858083897.jpg

Tem um centro com bastante comércio. Caminhando, se encontra alguns prédios antigos.

img_20191129_1715320004619966974752114032.jpg

img_20191129_1719115113833584951672892647.jpg

Mas o que chama a atenção mesmo é a igreja.

img_20191129_1713000871021622441455633844.jpg

Na rua principal fica o hotel Giardino Victoria. Bem no centro.

img_20191129_1657523556611627442724037363.jpg

O hotel tem estacionamento e uma pequena piscina.

img_20191130_1022306351453509792285663698.jpg

Se for se hospedar lá, peça quartos nos fundos. A rua principal é bem barulhenta à noite, especialmente nos fins de semana. O hotel é bem legal, tem uma decoração diferenciada.

img_20191129_163003430893399037296539846.jpg

img_20191129_1629524591783887992320211469.jpg

Na parte inferior do hotel tem uma galeria, com algumas lojas e um café, ou lancheria. Aliás, o que falta na cidade de Jaguari é uma boa padaria que sirva cafés e chocolate frio.

img_20191129_1629103652698466978884256546.jpg

img_20191129_1629042972602479185779717153.jpg

img_20191129_1628452103521271719431561222.jpg

O Hotel Giardino não é muito barato. Um casal não gasta menos do que 240 reais. O que é muito para o que a cidade e a região tem a oferecer.

img_20191129_1627259122945946439036312457.jpg

img_20191129_1609259506543860876479066055.jpg

Mas, se você precisar passar uma noite em Jaguari, esta é a melhor opção de hospedagem.

img_20191129_160908848152119270186079875.jpg

img_20191129_1608562961169586994695834002.jpg

Jaguari fica no caminho para a região das Missões. Subindo mais um pouco se chega a Santiago e depois a outras cidades das Missões e Noroeste. O asfalto está bom na BR. Confira também meu perfil no Instagram.

 

O Conjunto Arquitetônico da Pompéia em Silveira Martins

A poucos quilômetros do centro da cidade de Silveira Martins tem um prédio histórico. Fica na estrada que leva a Santa Maria. Tem que sair do asfalto é pegar uns poucos quilômetros de chão, seguindo as placas. A capela foi construída no começo do Século 20.

img_20191129_112020037852749441259406355.jpg

img_20191129_1122509025874993147464153157.jpg

img_20191129_1120327885129262353873395502.jpg

img_20191129_1123589879108496437237686463.jpg

img_20191129_112355282507898968193370829.jpg

img_20191129_1120476257569953826453041451.jpg

img_20191129_1123106953968398009076056588.jpg

Bem perto dali descobri esta casa abandonada às margens da estrada.

img_20191129_1117360394276776664160112129.jpg

Voltando para o asfalto, a rodovia lembra muito a Serra, com hortênsias nas margens da estrada.

img_20191129_1135454511936913102299199552.jpg

Descendo mais um pouco tem o mirante.

img_20191129_114004262837915207906420895.jpg

img_20191129_1141125232731487489185075279.jpg

img_20191129_1141523298962977906902883833.jpg

Continuando em direção a Santa Maria, fica o distrito de Arroio Grande, com a igreja e alguns casarões.

img_20191129_1217022392177008366069119418.jpg

img_20191129_121724557166036033588010378.jpg

img_20191129_1218071141435498999708482855.jpg

img_20191129_1218282564973574689405593835.jpg

Santa Maria é a maior cidade da região, com uma ampla e variada rede hoteleira. Mas como já mostrei em Post anterior, está crescendo uma área de turismo às margens da RS-149, em Restinga Seca, no Recanto Maestro. Um parque de águas termais irá funcionar lá. Já existe um ótimo hotel e outros estão em construção. Navegue pelo site e descubra este lugar. Confira também meu perfil no Instagram.